Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 2.6/5 (437 votos)




ONLINE
2





Partilhe este Site...

e as folhas da árvore são para a saúde das nações.

Cara irmã Jovelina, sobre seu pedido aí vai a resposta:- esprema meio limão em um copo de água morna,acrecente uma colherzinha de chá, de sal. Mexa bem, e faça gargarejos de hora em hora,evite aspirar o ar pela boca,aspire o ar pelo nariz e solte pela boca.Se sua garganta estiver muito atacada,coloque dez (10) gotas de titura de iodo em um copo de água e faça gargarejos de hora em hora. Deus a abençõe estamos orando.



Total de visitas: 196687
invençao diabolica de paulo
invençao diabolica de paulo

 

A falsa doutrina do ‘pecado original’: mais uma invenção diabólica do falso apóstolo Paulo

fazer um comentário »

Temos escrito sobre a estratégia do Diabo ao introduzir ensinos contrários aos de Jesus através das cartas de Paulo. Um desses ensinos é o do pecado original, conforme descrito pelo falso apóstolo:

Portanto, como por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram. - Romanos 5:12 Mas não é assim o dom gratuito como a ofensa. Porque, se pela ofensa de um morreram muitos, muito mais a graça de Deus, e o dom pela graça, que é de um só homem, Jesus Cristo, abundou sobre muitos. - Romanos 5:15

O conceito que Paulo introduz, de que os humanos herdam o pecado de Adão, de que já nascemos pagando por um erro que não cometemos, contraria tudo o que está nas Escrituras Hebraicas e tudo o que foi ensinado por Jesus nos Evangelhos. Listamos abaixo alguns dos textos que mostram que, a parte do falso apóstolo Paulo, não há base para o ensino do pecado original:

  •  Jesus ensina que as crianças não tem pecado e os que querem entrar no reino devem ser inocentes (puros) como elas:

“E disse: Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e vos tornardes como crianças, não entrareis no reino dos céus.”  - Mateus 18:03 “Mas Jesus disse: Deixai as crianças e não as impeçais de virem a mim, porque de tais é o reino dos céus.” – Mateus 19:14 “E trouxeram-lhe meninos para que lhes tocasse: mas os discípulos repreendiam aos que lhos traziam Mas quando Jesus viu, ele ficou muito descontente, e disse-lhes: Deixai as crianças virem a mim, e. não as impeçais,.. porque dos tais é o reino de Deus Em verdade eu vos digo: Quem não receber o reino de Deus como uma criancinha, não entrará nele. E tomou-os nos seus braços, colocou as mãos sobre eles, e abençoou-os. “ Marcos 10:13-16

  • Quando Deus resolve destruir os homens no dilúvio o faz pela razão de que eles, os humanos viventes à época, se corromperam, não pelo fato de serem filhos de Adão ou terem herdado um ‘pecado original’:

“E disse o Senhor: Destruirei o homem que criei de sobre a face da terra … porque toda carne havia corrompido o seu caminho sobre a terra. “ Gênesis 6:7, 12

  • A Bíblia ensina que as crianças não podem ser pecadores e condenados de nascença, pois eles ainda não sabem a diferença entre o bem e o mal pois não chegaram à “idade da responsabilidade”:

E vossos meninos, de quem dissestes: Por presa serão; e vossos filhos, que hoje não conhecem nem o bem nem o mal, eles ali entrarão, e a eles a darei, e eles a possuirão. - Deuteronômio 1:39 Manteiga e mel comerá, quando ele souber rejeitar o mal e escolher o bem. Na verdade, antes que este menino saiba rejeitar o mal e escolher o bem, a terra, de que te enfadas, será desamparada dos seus dois reis. - Isaías 7:15-16

  • O homem é culpado de seus próprios pecados, não dos pecados de seus pais. Ora, se o padrão de Deus é não culpar o filho pelo pecado do pai, como é que nós, como filhos, seríamos culpados pelo pecado do pai, Adão?

A alma que pecar, essa morrerá; o filho não levará a iniqüidade do pai, nem o pai levará a iniqüidade do filho. A justiça do justo ficará sobre ele e a impiedade do ímpio cairá sobre ele. - Ezequiel 18:20 Os pais não morrerão pelos filhos, nem os filhos pelos pais; cada um morrerá pelo seu próprio pecado. - Deuteronômio 24:16 Os pais não morrerão pelos filhos, nem os filhos morrerão pelos pais, mas o homem morrerá pelo seu próprio pecado . “ II Crônicas 25:4

  • A Bíblia ensina que todo pecado é um ato livre e voluntário. Não há pecado involuntário. O homem deve desejar o mal e escolher o mal antes que  possa ser um pecador. Ele não pode nascer um pecador, pois ele não tem escolha no seu nascimento. A idéia de que o homem pode ser um pecador sem um ato livre de sua própria vontade é totalmente contrária à Bíblia. O homem deve escolher voluntariamente o mal antes que ele possa ser um pecador:

 Escolhei hoje a quem quereis servir …  - Josué 24:15 Quem mata um boi é como o que tira a vida a um homem; quem sacrifica um cordeiro é como o que degola um cão; quem oferece uma oblação é como o que oferece sangue de porco; quem queima incenso em memorial é como o que bendiz a um ídolo; também estes escolhem os seus próprios caminhos, e a sua alma se deleita nas suas abominações. Também eu escolherei as suas calamidades, farei vir sobre eles os seus temores; porquanto clamei e ninguém respondeu, falei e não escutaram; mas fizeram o que era mau aos meus olhos, e escolheram aquilo em que eu não tinha prazer. - Isaías 66:3-4

  • Pecado é a transgressão do que é certo. Pecado não é algo que nasce com a pessoa, mas um ato contra a lei (o mandamento de Deus):

Todo aquele que pratica o pecado está também praticando o que é contra a lei, e assim o pecado é aquilo que é contra a lei. – 1 João 3:4.